sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Um alerta MUITO IMPORTANTE

Hoje venho aqui dar um alerta para uma situação que me aconteceu no trabalho. Ligaram para a empresa, e por acaso fui eu que atendi, com uma conversa... blá blá blá... que tinha ganho um fim de semana em turismo rural, blá blá blá..., e digo eu:
-Deve ser engano.
Do outro lado ouvi:
-Não estou a ligar para tal parte?
-Sim. - respondi.

Resumindo, como tinha atendido o telefone, era eu a premiada com o fim de semana à la borliu.
Toda contente, anotei os dados de uma tal agência de viagens Patamar, situada na Avenida da Boavista, e, combinei passar lá hoje (porque tinha de ser hoje) para levantar o prémio.

Como desconhecia tal agência, liguei ao meu irmão, e perguntei se tinha net por perto para pesquisar. Foi então que ele me falou de um esquema de uma outra agência, em que ele quase caiu. Pelos vistos fazem-nos uma lavagem cerebral para adquirirmos viagens e pagarmos um x por mês. Cuidado, pedem o nib e é necessário assinar papelada.

Mais tarde falei com uma colega que já tinha sido contactada pela mesma agência. É tudo treta, só para sacar dinheiro.

É lógico que não vou pôr lá os pés, mas se me ligarem vou-lhes dar um cházinho, ah se vou.

Vejam aqui mais testemunhos, e se vos oferecerem qualquer coisa, desconfiem.

P.S.: E vejam também o relato de uma ex-colaboradora.

9 comentários:

Sissamar disse...

Quando me ligam a oferecer mando-os logo dar uma volta, infelizmente nesta vida ninguém dá nada a ninguém sem levarem algo em troca e por vezes, pedem um preços alto demais para o podermos pagar!
Ainda bem que falas-te com o teu irmão primeiro!
Para aqui já ligaram por duas vezes a dizer que eu tinha ganho um checkup gratuito em tal sitio ás tantas horas, respondi que não estava interessada que tinha análises recentes que oferecessem a outro. Ainda ficaram ofendidos comigo. O que me levou ainda mais a ficar de pé atrás foi que a rapariga que falou comigo nem sequer sabia falar, ele era "dar-le" em vez de "lhe dar" ou melhor ainda "oferecer" ele era "você" em vez de "senhora", enfim, parecia aquelas pessoas sem estudos a falar. Depois disso, comecei a ouvir falar de um esquema que depois até veio nos jornais, que faziam esses tipos de telefonemas para terem a certeza que a pessoa àquela hora não estaria em casa e como a mandavam estar em tal sitio, tb podiam calcular o tempo de ir e vir e assaltavam as casas. Infelizmente, houve mesmo um caso desses mesmo no prédio da minha mãe, com um telefonema desses... ainda bem que disse que não estava interessada!
Ontem a minha mãe ligou-me para aqui e fez-me ir lá fora ver se tinha marcas nos muros!!! Parece que é a nova moda, ela não me soube explicar muito bem, diz que viu no telejornal mas depois eu andei a pesquisar e não encontrei nada. Então diz que agora fazem umas marcas com tinta de spray nos muros das casas para indicar aos "colegas" se aquela casa pode ser assaltada de dia, de tarde, de noite, cada símbolo tem um significado, mas a minha mãe nem me soube explicar mais nada, pq já ouviu a noticia no fim!
Beijinho e obrigada pelo alerta.

Orquídea disse...

Ainda andam a usar esse esquema? Nos velhos tempos em que atendia telefones recebi dezenas desses prémios.

Depois apanhei-lhes o jeito e dava-lhes gozo. Mas começavam a falar eu dizia "tenho menos de 25 anos, sou solteira, não há mais ninguém no escritório que possa receber o prémio nem tenho ninguém para recomendar".

Era mesmo assim de rajada para não terem tempo de pensar. E com isso livrava-me deles em 2 minutos!

São umas pestes esses gajos. Nunca fui a nenhuma reunião. É time-sharing e do mau...

Cuidado com isso ;)

Orquídea disse...

Sissamar só encontrei referências no Brasil. Vê aqui http://www.turmadoepa.com.br/video/play/id/138/programa/SkinUnderPlayStopSeekFullVol.swf

Mas sobre esses assaltos é preciso é ter cuidado com os "vizinhos porteiros"! Aqueles que adoram ser simpáticos e dizer a estranhos que não está ninguém em casa ou que os donos chegam sempre muito tarde!

Madrigal disse...

eu ando à procura de emprego e hoje vi um anúncio dessa "empresa" e ao pesquisar a localização dei com essas queixas.



As pessoas por vezes deixam-se levar nesses esquemas e nem sequer percebem o que estão a contrair dividas muito grandes. Eu até acho natural, afinal quem é que não gosta de ganhar um fim de semana ou algo assim?

Dama das Camélias disse...

Epá, uma vez também me ligaram para o emprego com essa mesma proposta! Levei a bela da lavagem cerebral, apanhei uma seca de 2h, e a sorte foi que levei comigo o meu marido e a minha mãe. Eheheheh! Não apanhei a seca sozinha, mas quanto mais diziamos que não estavamos interessados mas nos pressionavam.
Ninguém dá nada a ninguém!

Santa paciência...

Sissamar disse...

Olá Orquidea. Tb só encontrei essas referências, a noticia, ou o video de cá não encontrei. A minha mãe dizia que aparecia uma senhora a dizer que viu aquilo no muro e que chamou a policia pq já mais vizinhos se tinham queixado dos muros pintados e a policia é que lhe disse para apagar aquilo e lhe explicou o que era... e é verdade, ás vezes há pessoas muito simpáticas que vai na volta... olha aquele americano que procurado há mais de 20 anos pelo FBI e que cá não partia um prato e era só simpatias com a vizinhança...
Beijinho e obrigada pelo trabalho na pesquisa.

Joana Mata disse...

Também me ligaram!
Mas pensavam que o nr era o da minha mãe porque perguntaram foi por ela!

Frutinha disse...

Ja por mais que uma vez ligaram la para empresa e sou eu que atendo a conversa é a mesma.
Ora fins-de-semana, ora viagens, ora colchoes, é uma alegria, ganhto tudo. Mas dou sempre a mesma resposta. "sabe o meu nome não sabe? sabe o meu numero não sabe? Então olhe tambem hade saber a minha morada, então envie o premio por correio que fico agradecida"
Looool. É uma boa forma de os descatar, porque é sabido que ninguem dá nada a ninguem.

João Pedro disse...

Basta dizerem que estão desempregados e são eles mesmo a desligar o telefone! ;)

Related Posts with Thumbnails