sexta-feira, 18 de março de 2011

Plantas à borla

Ontem já à noitinha, quando vinha a chegar a casa, vi uma enorme planta encostada aos caixotes do lixo (e era mesmo grande senão esta pitosga não a via).

Numa manobra à Mr. Bean recuei o carro e encostei, era um cacto enorme e pesado como o caraças, ainda estava no vaso. Abri a porta de trás e zumba... lá foi ele. Estava a uns metros de casa, viajou pouquinho.

Não tenho fotos porque o deixei na garagem, mas logo já o trago para a varanda e depois mostro-o, eheh.

Pelo caminho só me ria, parecia tolinha, quem me visse é que havia de se rir.

Riam-se mas tenho um cacto enorme à la borliu! :)

Lembrei-me logo da Hazel,e, já agora podiam lá pôr uma orquídea branquinha?

Vou estar bem atenta ao lixómetro!

8 comentários:

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Quero conhecer o felizardo :)

Poupadinha disse...

Gaspas:

Ele vai ser devidamente apresentado, eheh.

An@ disse...

De vez em quando apanha-se umas coisas bem jeitosas no lixÓmetro!

Eu já encontrei umas coisas bem jeitosas! eh eh eh

Beijokas
Bom fim de semana

Sarokas disse...

olha vês?
bem bom! aguardo a foto do cacto!

Carla disse...

Tantas coisinhas boas que eu já trouxe do lixinho... :) E plantas também!

COMANDANTE LUNETA disse...

Essa foi mesmo à Hazel ;)

Formiguinha disse...

Só eu nunca encontro nada!):

Moro numa terra de poupadinhas ou será que estou a ficar vesga?

Bom fim-de-semana!
Beijinhos da Formiguinha

Lúcia disse...

Ahahahha imagino a tua cara, porque a minha deve ser parecida cada vez que trago de lá qualquer coisa. Uns pensam " Coitada, anda nos caixotes!" e eu penso " Ena pá!!!".

Boa! Vou ficar à espera do rebento.
Beijinhos

Related Posts with Thumbnails