sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Legumes com ovos gratinados (receita vegetariana)

Tem bom aspecto! Receita para 4 pessoas.


Preparação:
35 minutos


Custo:
Económico (como nós gostamos, eheh)


Ingredientes:
  • 2 curgetes
  • 400g de cogumelos
  • 1 cebola
  • 2 dentes de alho
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • Tomilho picado q.b.
  • Sal e pimenta q.b.
  • 4 ovos
  • Margarina para untar

  1. Retire as extremidades às curgetes e pique-as juntamente com os cogumelos. Descasque e lave a cebola e os dentes de alho e pique-os finamente.
  2. Ligue o forno a 180ºC. Numa frigideira, aqueça o azeite, junte a cebola e os alhos e deixe refogar até a cebola começar a ficar transparente. Acrescente a mistura de curgetes com os cogumelos e tomilho picado a gosto. Tempere com sal e pimenta e deixe cozinhar em lume brando durante 10 minutos, mexendo sempre.
  3. Unte com margarina quatro tacinhas que possam ir ao forno e divida por elas os legumes. Abra um ovo sobre cada taça e leve ao forno até que estes fiquem cozinhados e douradinhos. Retire com cuidado do forno, deixe arrefecer um pouco e sirva.

Bom apetite!

5 comentários:

Natacha disse...

MUITO bom aspecto! Vou experimentar!


Bjinhos!!

Cláudia disse...

Isto parece mal de ser dito, mas eu sou daquelas pessoas que não havendo carne nem peixe (excepção feita às saladas) não acha que a refeição fique completa!!! lol

beijinho e bom fim de semana*

Patricia Barros disse...

Hummmm...
Vou apontar esta receitinha no meu caderninho.

Até a pouco tempo evitava ao máximo os ovos, até que me informei e agora estou muito mais à vontade.

A matéria que li dizia assim:

O ovo é um alimento com um alto nível de colesterol ou não será assim?

O ovo tem um teor relativamente alto de colesterol - mas isso não é motivo para deixar de comer ovos. Os ovos são melhores do que a sua reputação. Um organismo saudável administra os seus próprios níveis de colesterol no sangue: Factores hereditários, excesso de peso, stress e falta de exercício físico têm uma influência muito maior nos níveis sanguíneos de colesterol.

O colesterol é um componente essencial para fabricação de hormonas endógenas, síntese de vitamina D, construção das paredes celulares e formação de ácidos biliares. O organismo produz essa substância preciosa por conta própria e reduz o volume produzido quando grandes quantidades são ingeridas na alimentação.

Coma ovos e não se preocupe.

Os ovos contêm lecitina, uma substância que se liga ao colesterol. Esse emulsificante natural liga-se ao colesterol tão rapidamente que o organismo só consegue absorvê-lo até um determinado limite. Até hoje, nenhum dos inúmeros estudos realizados conseguiu estabelecer uma ligação clara entre os níveis de colesterol, o consumo de ovos e a incidência de enfarte. Quem teria pensado nisso? Os japoneses comem um ovo quase todos os dias e, segundo as estatísticas, têm uma das incidências mais baixas de doença cardiovascular.

Desculpa se fui longa na conversa!!

Beijinhos.

Sissamar disse...

Que aspecto delicioso! Estou tentada a experimentar!
Beijinhos

Vida Vegana disse...

Legal divulgar receitas vegetarianas. Grande abraço.

Related Posts with Thumbnails